não há limites para a arte



"greeting card" é o nome da performance do artista plástico aaron young.
inspirado na técnica de pollcok, aaron dispôs sobre o solo 288 painéis de madeira, cada um pintado com camadas de tintas fluorescentes em cores como laranja, amarelo, vermelho e rosa. em seguida ele cobriu todas as camadas coloridas com uma tinta preta opaca. sobre a superfície dez motocicletas acelaram sobre as placas, queimando a tinta preta e revelando as cores abaixo.
durante dez minutos, em vez de telas e pincéis, máquinas pesadas traçam linhas aleatórias criando uma estética abstrata, que revela no traço ação e força como verdadeiros gladiadores da arte de vanguarda. após a apresentação o tablado foi repartido em 150 painéis de tamanhos variados que foram vendidos a colecionadores. a obra caminha para mais uma etapa, a de tornar-se propriedade privada a ser pendurada numa parede. quem sabe este tipo de arte não torne no futuro o chão que pisamos um pouco mais colorido?

°video°
°video°

2 comentários:

monica delazari mosqueira disse...

adorei o texto!e me lembrou de algo que fiz na infancia..mesma tecnica!de colorir com giz d cera colorido..jogar preto em cima..depois escrever ou desenhar de lapiz por cima e sai uma cor bacana d+

clenio disse...

que legal, vou fazer um dia rs. obrigado pela visita. volte sempre!